Como era a moda no período Império

   original

    Em história da moda, Império é o termo que compreende a moda entre os anos de 1804 e 1815 na Europa. No Brasil, é possível observar uma moda similar durante o período, principalmente com a chegada da família real ao país em 1808. Na terra da Jane Austen (Inglaterra), esse período é chamado de Regência e se estende até a década de 1820.

    Napoleão foi coroado imperador em 1804 e queria fazer da França uma referência na moda afim de promover sua economia, e a França se tornou a principal referência para os outros países. Esse também foi o período do Neoclassicismo, tendência nas artes plásticas de resgatar os valores gregos que também foi incorporada na moda, com o amplo uso de tecidos fluidos e em tons claros.

A moda feminina:

moda império feminina

    O essencial no traje feminino era o vestido, comumente feito em tecido leve e com a cintura alta, logo abaixo do busto. O decote geralmente era quadrado e profundo e o com o comprimento até a altura do calcanhar ou com calda em vestidos de baile. Eram comuns mangas curtas e bufantes mas também há exemplos de vestidos sem mangas, que geralmente eram usados com outra peça por baixo. Os vestidos podiam ser simples e sem nenhum detalhe ou com sobreposições de tecidos, bordados, rendas e outros enfeites.  A cor branca predominava e também era um sinal de status, por ser uma cor difícil de manter limpa.

02

    A partir de 1808 as mangas passam a ser mais compridas e assim como o veludo começa a tomar o lugar da musselina, tons fortes predominam em relação aos tons claros do início do período.

03

    Para sair de casa, xale e bonnet eram indispensáveis para as mulheres elegantes, que não saiam durante o dia com a cabeça descoberta. No guarda feminino além dos vestidos encontrava-se pelissés/redingotes (sobretudos), robes (vestidos abertos na frente, com ou sem mangas), retículas (bolsas pequenas para serem levadas à mão), spencers (casacos curtos), fichus e xales. Nos pés, sapatilhas sem salto, que podiam ter fitas para prender no tornozelo.

    Os cabelos eram presos no alto da cabeça com penteados com coques trabalhados e cachos. Para enfeitá-los, as mulheres utilizavam rosas, pérolas ou penas. Como acessórios usavam bonnets, plumas, turbantes, flores, pérolas, tiaras, entre outros.

Moda masculina:

01m

    O traje civil costumava sóbrio, com paletós em tons escuros e sem detalhes, enquanto os uniformes militares eram extremamente decorados com bordados.

   O traje masculino era constituído por camisa, calções, colete, casaca e para completar cravat e cartola. No pescoço, as golas das camisas levantadas e o cravat (preferivelmente branco) era amarrado com um laço. Podiam utilizar meias brancas com sapato ou então botas de montaria até o joelho. Na década de 1820 uma parte dos homens utilizava calças compridas.

02m

    A preferência dos homens elegantes eram utilizar peças ajustadas, que demonstravam status e bom gosto. É nessa época que surgem os dandys, homens extremamente preocupados com a aparência. A maior referência da moda masculina é definitivamente Beau Brummel, famoso na época por ser bem vestido.

Filmes com figurino do período para se inspirar:

    É possível encontrar vários filmes que mostram a moda do período. Indicamos alguns:

A Abadia de Northanger

Orgulho e Preconceito (1995)

Persuasão (1995 e 2007)

The secrets diares of Anne Lister

Dicas para reproduzir a moda do período:

    É possível encontrar peças em brechós (como vestidos compridos de cintura império, casacos curtos, xales e bolsas) e customizá-los para que pareçam com as do período acrescentando rendas e passamanarias, cortando casacos para transformar em spencer, abrindo um vestido para transformar em open robe, etc. Uma boa dica para quem quer se inspirar para penteados e acessórios a serem utilizados é observar os quadros da época. Para roupas masculinas a mesma coisa, peças podem ser encontradas em brechós e customizadas. Para quem quiser fazer as próprias peças deixamos alguns tutoriais abaixo:

Como decorar sapatos

Como fazer um bonnet a partir de um chapéu de palha

Como fazer um turbante

Escolhendo a cor do tecido para trajes do período

Exemplo de como usar a cravat

Molde de retícula

Molde de vestido império

Molde de casaca masculina

Um cavalheiro da regência com poucos recursos

Vestido regência a partir de roupas de lojas de departamento. Parte II

Referências:

História do vestuário no Ocidente, François Boucher

http://historia-da-arte.info/idade-contemporanea/neoclassicismo.html

http://modahistorica.blogspot.com.br/2013/05/o-seculo-xviii-e-xix-diretorio-imperio.html

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s